Após polêmica na Copa, chef da 'carne de ouro' é banido de festival internacional

Após polêmica na Copa, chef da 'carne de ouro' é banido de festival internacional Confira!

Após polêmica na Copa, chef da ‘carne de ouro’ é banido de festival internacional

Salt Bae estava em campo e segurou a taça do torneio após conquista da Argentina

Após polêmica na Copa, chef da ‘carne de ouro’ é banido de festival internacional
Imagem: Reprodução | Divulgação



Personagem da Copa do Mundo do Qatar fora dos gramados, o chef Salt Bae, foi banido de mais um evento internacional. O ‘Rolling Loud’, festival de música que ocorre em Los Angeles, em março, anunciou que o cozinheiro não poderá frequentar os shows.

– Também banimos Salt Bae do Rolling Loud LA 2023, em março – escreveu o perfil oficial do evento nas redes sociais, na última semana.

A polêmica envolvendo Salt Bae na Copa do Mundo se deu na final do torneio. Após a conquista da Argentina, o chef apareceu no gramado, pediu fotos com os jogadores e segurou a taça conquistada pelos hermanos.

Lionel Messi, inclusive, aparece irritado em um vídeo em que o cozinheiro o chama. Após a confusão e a repercussão negativa do assunto, a Fifa decidiu proibir Salt Bae de comparecer aos jogos da próxima Copa do Mundo, nos Estados Unidos, México e Canadá, em 2026.

O U.S Open, torneio esportivo de tênis norte-americano, também foi outro evento a proibir a presença de Salt Bae. Durante a Copa do Mundo, alguns jogadores da Seleção Brasileira foram ao restaurante do chef turco e comeram um bife folheado à ouro, que gerou polêmica nas redes sociais.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL