Atestado de óbito é divulgado e aponta causas da morte de Pelé

Atestado de óbito é divulgado e aponta causas da morte de Pelé Confira!

Atestado de óbito é divulgado e aponta causas da morte de Pelé

Morte do Rei do futebol foi confirmada no dia 29 de dezembro, pelo hospital Albert Einstein, em São Paulo, e velório será na próxima segunda-feira, na Vila Belmiro, estádio do Santos

Atestado de óbito é divulgado e aponta causas da morte de Pelé
Imagem: Reprodução | Divulgação



A morte de Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, foi confirmada na última quinta-feira, dia 29 de dezembro, pelo hospital Albert Einstein, em São Paulo. Com 82 anos completados no último dia 23 de outubro, o Rei do Futebol estava internado desde o fim de novembro. Nesta sexta, foi divulgado o atestado de óbito do eterno craque pelo 30º Registro Civil e Tabelionato de Notas do Ibirapuera, em São Paulo.

Com isso, de acordo com o documento oficial, Pelé morreu por insuficiência renal, insuficiência cardíaca, broncopneumonia e adenocarcinoma de cólon. Segundo a certidão, o craque faleceu às 15h27 de quinta-feira (29), no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo. Além disso, deixou seis filhos vivos, era beneficiário do INSS e foi casado por três vezes. Por outro lado, Sandra Regina, que foi reconhecida depois de exames de DNA, morreu de câncer.

Cabe salientar que insuficiência renal é uma condição em que os rins de um indivíduo não são mais capazes de filtrar o o sangue, captando resíduos, impurezas e sais que serão eliminados pela urina. Já a insuficiência cardíaca acontece quando o coração não consegue mais bombear sangue ou encher-se de sangue adequadamente.

Broncopneumonia é uma inflamação que atinge as estruturas internas do pulmão, como os brônquios e os alvéolos, enquanto adenocarcinoma de cólon é o câncer de cólon, que foi descoberto por Pelé em 2021.

A certidão de óbito deve seguir a Lei de Registros Públicos e constar informações pessoais como: hora, a data e o local de morte da pessoa, assim como estado civil, nomes, prenomes, idade, data de nascimento, profissão, naturalidade e residência dos pais. Também deve informar se a pessoa morreu com testamento conhecido e/ou deixou filhos ou herdeiros, a causa da morte, se era eleitor e o local de sepultamento.

Na próxima segunda-feira, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Militar farão a escolta do corpo de Pelé para o velório, que durará 24 horas (das 10h de segunda até às 10h de terça). Será aberto ao público na Vila Belmiro, em Santos, no litoral do estado. O enterro, porém, será fechado apenas para os familiares mais próximos, no Memorial Necrópole Ecumênica, quando será realizado um cortejo pelas ruas de Santos.

“O Hospital Israelita Albert Einstein se solidariza com a família e todos que sofrem com a perda do nosso querido Rei do Futebol”, lamentou o hospital, em um comunicado assinado pelos médicos Fabio Nasri, geriatra e endocrinologista; Rene Gansl, oncologista; Alexandre Holthausen, cardiologista; e Miguel Cendoroglo Neto, Diretor-Superintendente Médico e Serviços Hospitalares.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL