Biden pede que Congresso dos EUA suspenda imposto sobre a gasolina

O democrata afirmou ainda que tem encorajado as companhias de petróleo e refinarias a ampliar a capacidade e a...

revistabaiacu - 23 de junho de 2022




O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, pediu ontem ao Congresso uma suspensão por três meses do imposto federal sobre gasolina. O chefe do Executivo americano destacou a alta “dramática” do preço do combustível pelo mundo, diante da guerra da Rússia na Ucrânia, e o “desafio significativo” que isso gera para as famílias do país.

O democrata afirmou ainda que tem encorajado as companhias de petróleo e refinarias a ampliar a capacidade e a produção, a fim de conseguir mais oferta para o mercado. Após a declaração, a cotação do petróleo fechou em baixa – o tipo Brent acabou cotado em US$ 111,74, queda de 2,54%.

O governo americano lembrou que cobra atualmente de impostos US$ 0,18 por galão (3,7 litros) de gasolina e US$ 0,24 por galão de diesel.

Biden disse que apenas a retirada temporária do imposto federal sobre gasolina não será suficiente para compensar a alta nos custos dos americanos, “mas proporcionará às famílias algum alívio imediato”, e acrescentou: “Apenas um pouco de espaço para respirar enquanto continuamos trabalhando para reduzir os preços a longo prazo”. O presidente dos EUA também pediu aos Estados que suspendam seus próprios impostos sobre a gasolina.

A proposta deve enfrentar resistência. Republicanos já se posicionaram contra. “A grande nova ideia deste governo é uma proposta tola que membros de seu próprio partido já rejeitaram com bastante antecedência”, disse o senador republicano Mitch McConnell ao ser referir à presidente da Câmara, a democrata Nancy Pelosi. Ela afirmou temer que o corte dos tributos não seja repassado aos consumidores. / COM NYT