Bolsonaro condena ato terrorista feito por apoiadores no DF

Bolsonaro condena ato terrorista feito por apoiadores no DF Confira!

Bolsonaro condena ato terrorista feito por apoiadores no DF

Presidente fez live antes de viajar para Estados Unidos

Bolsonaro condena ato terrorista feito por apoiadores no DF
Imagem: Reprodução | Divulgação



O presidente Jair Bolsonaro reapareceu em público nesta sexta-feira (30) para fazer uma live sobre seu governo e condenou o ato terrorista feito por apoiadores no último fim de semana em Brasília.

    A aparição deve ser a última antes da viagem do mandatário para os Estados Unidos, onde ficará um mês.

    Com isso, está confirmado que o político quebrará a tradição mantida desde a redemocratização e não passará a faixa presidencial para seu sucessor, Luiz Inácio Lula da Silva.

    “Nada justifica essa tentativa de um ato terrorista aqui na região do aeroporto de Brasília. Nada justifica um elemento, que foi pego, graças a Deus, com ideias que não coadunam com nenhum cidadão”, disse durante a live.

    Bolsonaro também indicou que respeitará a transição democrática de poder e que “o mundo não vai acabar no dia 1º de janeiro”, quando Lula tomará posse.

    “Não tem essa de tudo ou nada. O mundo não vai acabar […] e é preciso inteligência para mostrar que somos diferentes do outro lado e que nós respeitamos a Constituição”, afirmou.

    Desde que Bolsonaro perdeu a eleição, grupos de bolsonaristas protestam contra o resultado das urnas e pedem por intervenção militar, o que é algo proibido pela Constituição. .

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL