Corredores homenageiam ídolo Pelé na 97ª edição da São Silvestre

Corredores homenageiam ídolo Pelé na 97ª edição da São Silvestre Confira!

Corredores homenageiam ídolo Pelé na 97ª edição da São Silvestre

O ano esportivo no Brasil é sempre encerrado com a disputa da Corrida Internacional de São ...

Corredores homenageiam ídolo Pelé na 97ª edição da São Silvestre
Imagem: Reprodução | Divulgação



O ano esportivo no Brasil é sempre encerrado com a disputa da Corrida Internacional de São Silvestre. Neste sábado, dia 31 de dezembro, aconteceu a 97ª edição da prova. Alguns corredores aproveitaram a oportunidade e visibilidade para homenagear Pelé, que faleceu na última quinta-feira, aos 82 anos.

Um dos participantes apareceu na prova mais tradicional de atletismo brasileiro e sul-americano vestindo camiseta com várias imagens de Pelé. Além desse, outro corredor indígena segurou uma placa com a foto de Pelé segurando as três Copas do Mundo conquistadas por ele.

Corredor da 97ª edição da São Silvestre homenageia Pelé.

O Rei Pelé faleceu após exatamente um mês internado no Hospital Albert Einstein, em São Paulo, por conta de complicações decorrentes de um câncer no cólon, descoberto em 2021.

O ex-jogador tornou-se o maior ídolo e artilheiro da história do Santos, marcando época em um dos times mais vitoriosos do esporte. Ao lado de Pepe, Dorval, Coutinho e Mengálvio, conquistou seis Brasileirões, duas Copas Libertadores, dois Mundiais e dez Estaduais, consagrando a “camisa 10” do clube alvinegro.

Além disso, colocou seu nome na história ao vestir a camisa da Seleção Brasileira. Com a Amarelinha, conquistou três Copas do Mundo, em 1958, 62 e 70.

Na disputa da prova masculina, o atleta de Uganda, Andrew Rotich Kwemoi encerrou a corrida na liderança, terminando o percurso de 15 km em 44min43s. Na segunda colocação, ficou Joseph Tiophil Panga, da Tanzânia, com 45min17. O seu conterrâneo Maxwell Kortek Rotich fechou o pódio, com 45min42s.

Já o melhor brasileiro foi Fabio Jesus Correia. O corredor de 24 anos cruzou a linha de chegada na quarta colocação, com 46min13s.

No feminino, a queniana Catherine Reline Amanang Ole cruzou a linha de chagada na primeira colocação, com o tempo de 49min39s, e se consagrou campeã da prova pela primeira vez na carreira. As etíopes Wude Ayalew Yimer, com 50min01s, e Kebebush Yisma Ewoldemariam, com 52min57s, completaram a prova.

A melhor brasileira foi Jenifer do Nascimento Silva. A atleta encerrou a São Silvestre na quarta colocação, com o tempo de 54min02s.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL