Destaques da NASA: nebulosas na constelação de Orion aparecem na imagem do dia

Destaques da NASA: nebulosas na constelação de Orion aparecem na imagem do dia Confira!

Destaques da NASA: nebulosas na constelação de Orion aparecem na imagem do dia

A NASA selecionou uma foto de três nebulosas na região de Orion como protagonistas da imagem astronômica do dia

Destaques da NASA: nebulosas na constelação de Orion aparecem na imagem do dia
Imagem: Reprodução | Divulgação



Para a Imagem Astronômica do Dia (APOD) desta quinta-feira, a NASA selecionou uma das visões mais conhecidas pelos astrônomos amadores. Na verdade, é uma das primeiras, senão a primeira, a ser observada no comecinho do aprendizado sobre observação e/ou fotografia de nebulosas.

A região de Orion é uma das favoritas dos astrofotógrafos, popular até mesmo entre os não iniciados em astronomia. É que a constelação que leva este nome possui as estrelas Mintaka, Alnilan e Alnitak, também conhecidas como Três Marias. Esse trio forma o cinturão de Orion, o Caçador, mas a região é muito maior que isso.

Perto das Três Marias, você também encontra as estrelas gigantes Betelgeuse, Rigel, Bellatrix e Saiph, mas a região é muito rica, com objetos menos visíveis. Se você apontar para as Três Marias com um par de binóculos 10×50, poderá encontrar algumas nebulosidades avermelhadas nas proximidades, principalmente a Grande Nebulosa de Orion, pertinho da estrela Iota Orionis B.

Se você usar um pequeno telescópio, a vista pode ser ainda mais deslumbrante por haver ali muitos outros objetos fabulosos, como o IC 434, também conhecido como Nebulosa Cabeça de Cavalo. Este é o objeto central da imagem selecionada pela NASA no seu site APOD, ao lado da NGC 2024, a Nebulosa da Chama.

A Cabeça de Cavalo é uma nebulosa escura, formada principalmente por uma nuvem espessa de poeira, que bloqueia a passagem da luz que vem de trás. Já a Nebulosa da Chama é uma nebulosa de emissão destacada pelo brilho de luz ultravioleta energética da estrela

Por fim, a nebulosa de reflexão azulada NGC 2023, logo abaixo da Cabeça do Cavalo. Ela a maior de seu tipo no céu noturno e, ali, novas estrelas se formam.

Fonte: APOD

Trending no Canaltech:

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL