Escola de artes na Itália adota licença menstrual para alunas

Escola de artes na Itália adota licença menstrual para alunas Confira!

Escola de artes na Itália adota licença menstrual para alunas

Uma escola de artes na cidade de Ravenna, na região da Emilia-Romagna, resolveu introduzir uma ...

Escola de artes na Itália adota licença menstrual para alunas
Imagem: Reprodução | Divulgação



Uma escola de artes na cidade de Ravenna, na região da Emilia-Romagna, resolveu introduzir uma licença menstrual para as estudantes que a solicitarem. A iniciativa prevê dois dias opcionais de licença para alunas que apresentarem problemas menstruais comprovados.

    “Provavelmente, para uma escola, é a primeira iniciativa deste tipo na Itália”, declarou o diretor do colégio ‘Nervi-Severini’, Gianluca Dradi, acrescentando que é uma decisão “democrática”.

    A licença, que foi publicada no quadro de avisos online da escola nos últimos dias, prevê que alunas com dismenorreia – dor pélvica que surge no primeiro dia do período menstrual – possam faltar no máximo dois dias por mês sem que essa ausência seja contabilizada entre as que devem ser consideradas para a validade do ano letivo.

    A legislação estabelece que todos os alunos devem frequentar pelo menos três quartos do horário anual para serem aprovados.

    A medida foi instituída após os representantes da escola apontarem que diversas jovens sofrem de cólicas menstruais tão fortes a ponto das dores interferirem no desempenho de suas atividades normais.

    A instituição já está entre as muitas na Itália a deixar os alunos que se identificam com um gênero diferente de seu nascimento usarem um pseudônimo trans. .

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL