Internacional declara apoio a Edenilson em suposto caso de racismo: “Acreditamos no nosso atleta”

Neste sábado Internacional e Corinthians se enfrentaram, no Beira-Rio, em partida válida pela ...

revistabaiacu - 14 de maio de 2022




Neste sábado Internacional e Corinthians se enfrentaram, no Beira-Rio, em partida válida pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. A partida, porém, ficou marcada por um suposto caso de racismo do lateral Rafael Ramos, do Timão, com o meia Edenilson, do Colorado, na qual o jogador do time gaúcho acusou o português de tê-lo chamado de “macaco” durante uma divida.

Além da manifestação pelas redes sociais, em coletiva de imprensa, o vice-presidente do Internacional, Emilio Papaléo, demonstrou apoio ao jogador.

“Nós acreditamos. Independente das declarações dadas do outro lado, nós acreditamos no nosso atleta. Nos solidarizamos com ele. Como clube e instituição nós estamos apoiando o Edenilson em todas suas atitudes”, disse.

“O internacional lamenta o ocorrido e não admite, não compactua com racismo e nenhuma das suas formas e está ao lado do Edenilson se colocado a disposição para o que for necessário”, completou o dirigente.

O vice-presidente do Colorado se manifestou, ainda, sobre a possibilidade de uma acusação falsa.

“Como instituição nos cabe primeiro saudar o profissional que é o atleta Edenilson, os senhores o conhecem há muitos anos e sabem que como pessoa e como profissional ele tem uma conduta exemplar e não se prestaria a esse tipo de ‘encenação’ caso efetivamente não tivesse se sentido atingido”, afirmou.