McLaughlin comanda trinca da Penske no treino livre 2 da Indy em Nashville

Penske dominou ações no segundo treino livre do GP de Nashville e colocou os três carros nas primeiras posições....

revistabaiacu - 6 de agosto de 2022
McLaughlin comanda trinca da Penske no treino livre 2 da Indy em Nashville



McLAREN É A GRANDE VILÃ DO MERCADO DE PILOTOS DA INDY E FÓRMULA 1

A Penske dominou o segundo treino livre da Indy em Nashville e terminou com os três carros formando o top-3. O líder da sessão realizada no início da tarde deste sábado foi o neozelandês Scott McLaughlin, com tempo de 1min15s460.

Piloto local, o bicampeão Josef Newgarden foi o segundo colocado, com tempo 0s294 mais lento que o de McLaughlin. Já o líder do campeonato, o australiano Will Power, ficou no terceiro lugar. Fora da Penske, o melhor piloto da sessão foi o americano Alexander Rossi, da Andretti. Kyle Kirkwood, de Foyt, fechou o top-5.

Felix Rosenqvist, de McLaren, foi sexto, seguido por Romain Grosjean e Colton Herta, pilotos da Andretti. Líder da sexta-feira com a RLL, Christian Lundgaard ficou em nono, e David Malukas, de Dale Coyne, completou o top-10.

Hexacampeão, Scott Dixon ficou em 11º com a Ganassi, seguido pelo companheiro de equipe e atual campeão Álex Palou. Pato O’Ward, de McLaren, ficou em 13º. Vencedor da Indy 500 e segundo colocado no campeonato, Marcus Ericsson foi o 19º.

O brasileiro Helio Castroneves ficou em 17º. O piloto da Meyer Shank teve a melhor volta em 1min16s806.

A classificação do GP de Nashville tem início às 17h30 (de Brasília, GMT-3), com cobertura completa do GRANDE PRÊMIO.

▶️ Inscreva-se nos dois canais do GRANDE PRÊMIO no YouTube: GP | GP2

Josef Newgarden em Nashville (Foto: Indycar)

Saiba como foi o treino livre 2 do GP de Nashville:

A bandeira verde foi acionada às 13h15 (de Brasília) para os 45 minutos de treino livre. Porém, Rinus VeeKay, da Carpenter, logo causou a primeira bandeira vermelha do dia ao colidir com o muro na curva 10. A pista foi liberada após limpeza cinco minutos depois.

Graham Rahal, da RLL, bateu na curva 6, mas com impacto menor, conseguiu levar o carro de volta aos boxes com danos na asa dianteira, evitando a bandeira vermelha. Colton Herta, de Andretti, escapou na curva 9 e precisou de ajuda do time de resgate para ligar o carro novamente. A sessão seguiu sem interrupção.

Os primeiros 15 minutos da sessão tiveram o neozelandês Scott McLaughlin, da Penske, em primeiro, com tempo de 1min16s296. Felix Rosenqvist, de McLaren, evitou uma trinca da Penske no top-3 com o segundo tempo. Josef Newgarden e Will Power vinham atrás, com Kyle Kirkwood, de Foyt, em quinto.

O francês Romain Grosjean, de Andretti, foi o responsável por tirar McLaughlin da ponta ao cravar 1min16s275. Rahal também cresceu, marcando o terceiro tempo.

Quando o treino já se aproximava do terço final, Will Power assumiu a liderança cravando 1min15s959. Felix Rosenqvist veio no embalo e pulou para segundo, com tempo 0s064 mais lento que o australiano. De Ganassi, Scott Dixon pulou para terceiro. Power melhorou a própria marca, com 1min15s841.

Líder da sexta-feira, Christian Lundgaard surgiu na terceira posição ao marcar 1min16s081. Correndo na cidade em que reside, Newgarden assumiu a liderança ao cravar 1min15s755. Porém, acabou superado segundos depois pelo companheiro de equipe McLaughlin, que marcou 1min15s460. Com 6 minutos para o fim, a Penske tinha o top-3.

Em quinto na tabela, Felix Rosenqvist tocou o muro na curva 8. O sueco conseguiu levar o carro de volta aos boxes sem causar interrupção da sessão. Quem também bateu foi Devlin DeFrancesco, na curva 9, também trazendo o bólido de volta.

Indy 2022, GP de Nashville, Treino Livre 2:

ANDRETTI VIRA FERRARI DA INDY: HERTA É LECLERC