Morte de Pelé ressalta que existem poucas celebridades de verdade no mundo

Morte de Pelé ressalta que existem poucas celebridades de verdade no mundo Confira!

Morte de Pelé ressalta que existem poucas celebridades de verdade no mundo

O título vulgarizado para definir a maioria dos famosos deveria ser restrito a quem é inigualável no que faz

Morte de Pelé ressalta que existem poucas celebridades de verdade no mundo
Imagem: Reprodução | Divulgação



“Eu sou uma celebridade.”

A frase costuma ser dita por qualquer um que consegue os tais 15 minutos de fama profetizados pelo multiartista Andy Warhol.

A internet ajudou a banalizar o termo. Hoje, um usuário com alguns milhares de seguidores já se sente famoso, uma estrela, um ser especial.

Pior: a maioria das pessoas acredita. Passa a enxergar uma personalidade ilustre em alguém que apenas se destaca em um microcosmo — e se submete a ser claque, aplaudindo à toa.

Há uma explicação para esse engano coletivo. “O meio mais eficaz para obter fama é fazer o mundo acreditar que já se é famoso”, escreveu o poeta italiano Giacomo Leopardi.

A repercussão planetária da morte de Pelé salienta a existência de poucas celebridades de verdade. Raramente se viu tamanha cobertura da imprensa e igual comoção de famosos das mais diversas áreas e cidadãos anônimos.

O maior jogador do Brasil de todos os tempos foi homenageado no exterior por artistas, esportistas, presidentes, primeiros-ministros, membros da nobreza… A elite da elite se curvou ao Rei do Futebol.

Como atleta, agora eternizado, Pelé se fez uma rara unanimidade. Todos só o elogiam. Ele encanta desde os mais velhos que o viram jogar até as novas gerações que costumam desprezar ídolos do passado.

Isso sim é uma celebridade. Alguém com talento raro, feitos admiráveis, presença magnética, dono de capítulo próprio na história.

Em uma época em que tanta gente está desesperada por fama, e muitos a conseguem por banalidades, Pelé será sempre uma referência e uma escala a quem ousa se considerar célebre.

Na vida privada, ele colecionou algumas polêmicas, como a cruel rejeição à filha Sandra Regina. Tal falha mostra que, apesar de divino em campo, ele era humano, demasiado humano.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL