Presidente diz que chegada de Bustos é ‘só o início’ de parceria do São Paulo com Grupo City

Clube ainda espera pelo zagueiro Nahuel Ferraresi, venezuelano também do conglomerado

revistabaiacu - 5 de agosto de 2022
Presidente diz que chegada de Bustos é ‘só o início’ de parceria do São Paulo com Grupo City



O presidente do São Paulo, Julio Casares, enalteceu a boa relação do clube com o Grupo City na apresentação oficial do atacante Nahuel Bustos como novo reforço do Tricolor, nesta sexta-feira (5), no CT da Barra Funda.

GALERIA

Conforme o LANCE! revelou no início de julho, Bustos é o primeiro reforço que chega ao Morumbi após a diretoria são-paulina intensificar as relações com o conglomerado árabe, famoso por gerir o Manchester City, da Inglaterra.

O grupo, que estaria negociando a entrada no futebol brasileiro por meio da compra da SAF do Bahia, ainda pode colocar mais um jogador no São Paulo: o zagueiro venezuelano Nahuel Ferraresi, que inclusive já estaria acertado com o Tricolor e deve desembarcar no Brasil neste final de semana.

– E claro que isso foi possível (chegada de Bustos) pela nossa excelente relação com o Grupo City, a qual é promissora e pode nos trazer outras chances de mercado. É uma relação direta entre o São Paulo e o Grupo City. Quero agradecer, porque foi tudo feito com lisura. O São Paulo, hoje, é um time competitivo. Algo que não ocorria há tanto tempo.

Bustos chega ao São Paulo por empréstimo de um ano. O clube não pagará nada pelo negócio, apenas os salários do argentino. Há opção tanto para prorrogar o vínculo até o final de 2023 quanto para a compra em definitivo.

– Quando vejo um atleta que tinha outras oportunidades e escolhe o São Paulo, fico muito feliz. Com o Galoppo foi a mesma coisa. Estamos tendo uma mudança de comportamento dentro e fora de campo. É um empréstimo gratuito. Agora, temos um trabalho árduo da área de futebol, do marketing, do financeiro. Não tem sido fácil, porque há um jogo a cada três dias, precisa de um elenco extensivo. A chegada do Nahuel Bustos é muito importante para nós. Era um atleta que estava sendo monitorado e estamos muito felizes por isso. É um momento muito importante da nossa vida.

As conversas entre Grupo City e São Paulo começaram no primeiro semestre. Na ocasião, cogitou-se que o conglomerado estaria interessado na compra do Tricolor. A relação se dá por conta da proximidade do gerente de futebol Rui Costa com os árabes desde os tempos de Atlético-MG.

TABELA

> Confira classificação, jogos e simule resultados do Brasileirão-22

> Confira todos os jogos da Copa do Brasil-22

> Confira todos os jogos da Copa Sul-Americana-22