Proposta de instalação de CPI do MST é protocolada na Câmara Federal

Proposta de instalação de CPI do MST é protocolada na Câmara Federal Confira!

Proposta de instalação de CPI do MST é protocolada na Câmara Federal

Pedido de abertura teve adesão da Frente Parlamentar da Agropecuária e contou com 172 votos.

Proposta de instalação de CPI do MST é protocolada na Câmara Federal
Imagem: Reprodução | Divulgação



Na noite de quarta-feira (15), a proposta para a instalação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) do Movimento dos Sem-teto (MST) alcançou o número necessário de assinaturas e foi protocolada junto à mesa diretora da Casa Legislativa.

O autor do texto com a proposta para a CPI do MST, o deputado federal Tenente Coronel Zucco (Republicanos-RS) comemorou à adesão de colegas da Câmara. Nas redes sociais, ele avisou que o primeiro objetivo havia sido atingido. “Conseguimos as assinaturas mínimas e já protocolamos”, afirmou.

A proposta para a instalação da comissão contava, até a noite desta quarta-feira (15), com 172 assinaturas de deputados. A regra determina que, para ser protocolado, o pedido de abertura de CPI precisa ter apoio formal de pelo menos um terço da Câmara, ou seja, 171 de um total de 513 membros.

Com a etapa de assinaturas mínimas finalizada e o pedido protocolado, faz parte das atribuições do presidente da Câmara dos Deputados, Arthur Lira (PP-AL), ler a solicitação de instalação da CPI no plenário da Casa. Ainda não há definição sobre quando isso ocorrerá.

O parlamentar do Rio Grande do Sul foi taxativo na finalidade da já chamada CPI do MST.  “investigar a atuação do grupo Movimento dos Trabalhadores Sem Terra (MST), do seu real propósito, assim como dos seus financiadores”, disse.

Com o andamento da agora ação já protocolada junto à mesa diretora da Câmara,  Zucco reforça que o MST tem promovido série de invasões de terra, inclusive de propriedades rurais produtivas. Nesse sentido, cita um caso ocorrido no sul baiano.

O movimento para coleta de assinaturas a favor da CPI do MST avançou após a bancada do agronegócio anunciar apoio à questão. Em coletiva de imprensa realizada no Congresso Nacional na noite de terça-feira (14), o presidente da Frente Parlamentar da Agropecuária (FPA), deputado Pedro Lupion (PP-PR), afirmou que o grupo seria favorável ao avanço da proposta apresentada pelo Tenente Coronel Zucco.

“Precisamos entender o que está suscitando e motivando essa onda de invasões sem precedentes na nossa história recente”, explicou Lupion. Ele ainda acrescentou desconfiar que exista uma motivação política por trás destas invasões.

VAI TER CPI DO MST!

Conseguimos as assinaturas mínimas e já protocolamos. Juntos somos mais fortes ???

— Deputado Zucco (@tencelzucco) March 15, 2023

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL