Santos tenta ser forte em Goiânia diante do Goiás como é na Vila Belmiro

Time paulista busca manter o bom momento como mandante no duelo fora de casa no campeonato nacional

revistabaiacu - 15 de maio de 2022




O Santos iniciou a sexta rodada do Campeonato Brasileiro na segunda colocação, graças aos 100% de aproveitamento nos jogos em casa. A situação poderia ser ainda melhor se o time tivesse um bom desempenho longe da Vila Belmiro. Pois, neste domingo, às 19 horas, os comandados de Fabián Bustos terão a oportunidade de buscar um rendimento mais positivo como visitante, quando terá pela frente o Goiás, no Estádio da Serrinha.

Nos cinco jogos em que esteve em ação pelo Brasileirão, o Santos venceu os três compromissos em casa: Coritiba (2 a 1), América-MG (3 a 0) e Cuiabá (4 a 1). Fora da Vila, a equipe só conseguiu um ponto em dois jogos: Fluminense (0 a 0) e São Paulo (1 a 2). A ordem é somar pontos fora de casa para se manter entre os primeiros colocados na tabela de classificação.

Bustos, que não esteve no banco de reservas na vitória sobre o Coritiba, quinta-feira, em duelo pela Copa do Brasil, por causa de suspensão, volta a comandar o time à beira do gramado. A expectativa é de que o treinador preserve alguns jogadores, apesar de apenas Ângelo estar em tratamento de reequilíbrio muscular, ainda sem data definida para retorno.

Já o experiente zagueiro Maicon, poupado na partida do meio de semana, deverá retomar sua posição na defesa santista. Aliás, o setor defensivo é um dos destaques da competição, vazado apenas em quatro oportunidades. O ataque não fica atrás e é um dos mais positivos, com dez gols marcados.

“O Santos é um clube grande que quer ganhar tudo que for jogar. Iremos jogo a jogo e jogar a cada partida com a responsabilidade que pede a camisa do Santos. Vamos partida a partida. Temos a obrigação de ganhar a cada partida”, disse Lucas Ochandorena, auxiliar de Bustos, após a vitória sobre o Coritiba por 3 a 0.

Do lado do Goiás, o ambiente é de otimismo e confiança após a vitória na última rodada no clássico com o Atlético-GO, a primeira do time na competição nacional. “Respeitamos muito o time adversário, mas jogamos dentro de casa, com o apoio da nossa torcida e vamos em busca dessa primeira vitória na Serrinha”, disse o goleiro Tadeu, capitão do time goiano.

O técnico Jair Ventura não poderá contar com o lateral-esquerdo Danilo Barcelos e o volante Henrique Lordelo, ambos suspensos. Na defesa, Juan, destaque do time sub-20, poderá fazer sua estreia no profissional, enquanto no meio-campo a vaga poderá ser preenchida por Fellipe Bastos.

FICHA TÉCNICA

GOIÁS X SANTOS

GOIÁS – Tadeu; Sidimar, Reynaldo e Caetano; Apodi, Diego, Fellipe Bastos, Elvis e Juan Pablo; Dadá Belmonte e Pedro Raul. Técnico: Jair Ventura.

SANTOS – João Paulo; Madson, Eduardo Bauermann, Maicon (Velásquez) e Lucas Pires; Zanocelo, Rodrigo Fernández e Lucas Braga (Ricardo Goulart); Léo Baptistão, Marcos Leonardo e Johan Julio. Técnico: Fabian Bustos.

ÁRBITRO – Marcelo de Lima Henrique (CE).

HORÁRIO – 19 horas.

LOCAL – Estádio da Serrinha, em Goiânia.