Se fosse hoje em dia, Pelé seria o jogador mais rico do mundo

Se fosse hoje em dia, Pelé seria o jogador mais rico do mundo Confira!

Se fosse hoje em dia, Pelé seria o jogador mais rico do mundo

Veja a fortuna que Pelé ganharia se fosse jogador de futebol nos dias atuais

Se fosse hoje em dia, Pelé seria o jogador mais rico do mundo
Imagem: Reprodução | Divulgação



Pelé se aposentou do futebol 45 anos atrás, mas deixou uma herança esportiva com 1.281 gols, 3 Copas do Mundo, 2 Mundiais de Clubes, 2 Libertadores da América, 5 Campeonatos Brasileiros e o título de maior jogador de futebol de todos os tempos.

Com todo esse currículo, Pelé certamente seria multimilionário se jogasse nos dias de hoje, afinal, cifras milionárias são pagas atualmente a jogadores que dentro de campo nem são tão especiais assim. Então, fica a pergunta: quanto Pelé ganharia se jogasse nos dias de hoje?

Comparando com astros do futebol atual como Messi, Cristiano Ronaldo, Neymar e Mbappé, a estimativa é que Pelé ganharia algo em torno de US$ 223 milhões por ano, equivalente a R$ 1,1 bilhão, segundo estimativa feita pela Forbes. Considere nesse valor cerca de US$ 126 milhões de salário + cotas de patrocínio + direitos de imagem, além de US$ 20 milhões de patrocínio individual, US$ 77 milhões de cota de fidelidade e uma multa rescisória em torno de US$ 302 milhões. 

“No contexto atual, Pelé teria condições de ter ganhos próximos ao patamar de Messi. Se pensarmos em toda a representatividade que um nome como Pelé e que o futebol brasileiro têm, esses seriam outros bônus aos ganhos”, disse o professor Duílio Fabbri Júnior, coordenador dos cursos de comunicação da Unisal (Centro Universitário Salesiano de São Paulo), em entrevista para a Forbes.

“Quando Pelé jogava, não era comum carreira internacional, nem contrato vitalício com marcas, as cotas de patrocínio eram modestas. Os cuidados com a saúde e com a preparação também são maiores hoje, o que faria com que um jogador com a capacidade técnica de Pelé fosse ainda mais bem trabalhado e valorizado como objeto econômico. Esse é o ‘negócio futebol’, que existe independentemente do patrocínio das marcas”, competa o professor.

Em agosto de 2021, perto de completar 81 anos de idade, Pelé se desez de parte de seus bens. Ele colocou diversos imóveis à venda, icnlusive a cobertura duplex com vista-mar localizada em Piedade, perto de Recife-PE. O imóvel estava avaliado em R$ 2,5 milhões.

Quem morava nesse imóvel era Assíria Lemos, ex-esposa de Pelé, que vivia com os dois filhos gêmeos, frutos do casamento com ex-atleta. Eles se separaram em 2008 e hoje ela mora nos Estados Unidos.

Pelé também colocou à venda dois flats que ele possuía em Santos-SP, em um condomínio que tem o nome de seu pai. Cada flat é avaliado em R$ 900 mil.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL