Turista morre após passar mal em cúpula da Catedral de Florença

Local não é aconselhável para pessoas com problemas de saúde

revistabaiacu - 22 de junho de 2022
Turista morre após passar mal em cúpula da Catedral de Florença



Um turista americano de 67 anos morreu após ter passado mal na cúpula da Catedral de Santa Maria del Fiore, na cidade italiana de Florença, nesta quarta-feira (22).

O homem se sentiu mal por volta de 8h50 (horário local), enquanto visitava o terraço panorâmico da cúpula projetada por Filippo Brunelleschi (1377-1446), a 91 metros de altura.

Ele chegou a ser socorrido e levado de ambulância a um hospital florentino, mas não resistiu. A causa da morte não foi divulgada.

A Opera di Santa Maria del Fiore, entidade responsável pela gestão da catedral, divulgou uma nota lamentando o episódio e disse que a subida na cúpula é “fortemente desaconselhável para pessoas com problemas físicos e cardiocirculatórios”.

A monumental estrutura que cobre o cruzeiro da Catedral de Florença foi projetada pelo arquiteto Filippo Brunelleschi e começou a ser construída em 7 de agosto de 1420, sendo finalizada somente em 1436 – já a lanterna foi concluída em 1471.

Mesmo depois de seis séculos, a Cúpula de Brunelleschi continua sendo a maior do mundo feita em alvenaria. A ascensão até o cume da estrutura é realizada por meio de uma escadaria estreita e em que as pessoas mal conseguem ficar de pé.