Vai pegar estrada neste fim de ano? Veja dicas para uma viagem segura e com menos trânsito

Vai pegar estrada neste fim de ano? Veja dicas para uma viagem segura e com menos trânsito Confira!

Vai pegar estrada neste fim de ano? Veja dicas para uma viagem segura e com menos trânsito

Manhã e fim de tarde costumam ser os períodos de maior movimento nas rodovias; fazer revisão do carro antes de viajar é essencial para evitar acidentes

Vai pegar estrada neste fim de ano? Veja dicas para uma viagem segura e com menos trânsito
Imagem: Reprodução | Divulgação



Muita gente gosta de passar o réveillon na praia ou no interior e, com isso, as estradas tendem a ficar cheias no final do ano. A previsão da CCR RioSP, empresa que administra a rodovia Presidente Dutra, que liga São Paulo ao Rio de Janeiro, é de que 376 mil veículos deixem as capitais entre sexta, 30, e sábado, 31. A Ecovias, que faz o sistema Anchieta-Imigrantes, prevê receber entre 610 mil e 737 mil veículos neste ano novo. Por isso, se planejar é essencial para uma viagem segura e tranquila.

A Agência de Transportes do Estado de São Paulo (Artesp) recomenda que os motoristas façam uma revisão do veículo e pesquisem sobre o trajeto que será feito com antecedência.

“Para viajar dentro da lei e sem preocupações, é importante que o planejamento conte com detalhes como documentação em dia e mecânica do carro adequada. O trânsito em rodovias cobra mais do veículo, portanto, é necessário que sejam tomados todos os cuidados para que não haja problemas no caminho”, diz o diretor de Operações da Artesp, Walter Nyakas.

Se possível, deve-se evitar horários de pico – geralmente os períodos da manhã e o fim da tarde são os mais carregados. Além disso, se as condições climáticas não forem favoráveis, é preferível escolher uma outra hora para viajar.

Dormir bem antes de pegar estrada, não consumir bebidas alcoólicas e não utilizar chinelo ou celular também são medidas fundamentais para uma viagem segura, aponta a Artesp.

As empresas que administram estradas no Estado de São Paulo estão montando operações especiais, com maior suporte de atendimento e, em alguns casos, alterações no fluxo de vias para atender à demanda. Confira como ficam as principais rodovias de São Paulo neste Ano Novo:

Na hora de revisar o carro, a Artesp recomenda que o motorista confira se tudo está funcionando bem:

Além disso, o órgão lembra que é de extrema importância que a Carteira Nacional de Habilitação (CNH) e o Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRVL) estejam atualizados.

A falta do licenciamento em dia é uma infração gravíssima que pode levar a apreensão do veículo, multa de R$ 293,47 e sete pontos na carteira.

Quando estiver na estrada, o motorista deve:

Em rodovias da Ecovias, é possível conseguir ajuda pelo número 0800 019 7878. Já nas da CCR, o número varia de acordo com a rodovia:

É possível conferir os demais números no site da Artesp. Além disso, os números da Polícia Militar (190), SAMU (192) e Bombeiros (193) são sempre úteis.

A expectativa é que a Imigrantes e a Anchieta recebam entre 610 mil e 737 mil veículos entre os dias 27 de dezembro e 2 de janeiro. Por isso, a Ecovias criou uma operação especial de Ano Novo.

Até o dia 31 de Dezembro, a Imigrantes vai funcionar apenas no sentido litoral (as duas vias) das 7h às 17h59. Os motoristas que desejarem ir do litoral para a capital deverão utilizar a Anchieta.

Já para o retorno dos veículos, a Operação Subida está prevista para entrar em vigor a partir das 9h de domingo, 1º de janeiro, e ficar até 4h59 de segunda-feira, 2, com previsão de ser implantada novamente das 21h às 23h59 ainda na segunda-feira.

“Durante a Operação Subida, o usuário pode optar em subir a Serra tanto pela pista norte quanto pela pista sul da rodovia dos Imigrantes e também pela pista norte da Anchieta. A descida será feita apenas pela pista sul da Via Anchieta”, informou a Ecovias.

A CCR RioSP, que administra a Presidente Dutra, informou que inicia nesta sexta-feira, 30, a operação especial de atendimento ao cliente para o feriado de Ano Novo.

A expectativa da concessionária é de que mais de 376 mil veículos deixem as capitais Rio de Janeiro e São Paulo, entre sexta e sábado, 31.

O fluxo deve ser maior sentido Rio de Janeiro. A previsão de tráfego na saída de São Paulo ao Rio é de mais de 7 mil veículos por hora na sexta-feira, com horário de pico das 19h às 21h.

Já no sábado, o fluxo é menor, com cerca de 4 mil carros por hora, e a maioria deve trafegar das 7h às 12h. O retorno é esperado para segunda-feira, 2, o dia todo.

A CCR RodoAnel prevê movimento de mais 790 mil veículos no trecho oeste da rodovia, no período entre a meia noite de quinta-feira, 29, e domingo, 1º.

“Ao longo de todo o feriado, as equipes da concessionária atuarão com foco em garantir as condições de fluxo e prestar atendimento aos motoristas com agilidade e eficiência”, disse a empresa.

Estão previstos maiores movimentos no sentido litoral na quinta e sexta, das 16h às 19h. No sábado, 31, o fluxo deve ser maior das 9h às 11h. Já no retorno, no domingo, 1, a expectativa da CCR RodoAnel é de tráfego normal.

A CCR AutoBAn, que administra a Anhanguera e a Bandeirantes, estima fluxo de 600 mil veículos nas duas rodovias durante a Operação Ano Novo, entre esta quinta-feira, 29, e o domingo 1.

Na saída, estão previstos maiores movimentos no sentido interior, das 16h às 19h de sexta-feira, 30, e das 9h às 11h de sábado, 31. No retorno, é esperada concentração de veículos no sentido capital, das 15h às 23h do domingo, 1.

A CCR ViaOeste estima que mais de 560 mil veículos devem realizar deslocamento característico de feriado de Ano Novo no Sistema Castello-Raposo.

Nesta sexta-feira, 30, o fluxo deve ser intenso das 16h às 19h.

No sábado, 31, o tráfego deve ficar mais acentuado das 9h às 11h. No retorno, no domingo, 1º, a concessionária estima maior concentração de veículos no sentido capital das 15h às 23h.

A Renovias informou que inicia, a partir de 0h de sexta-feira, 30, a Operação Ano Novo, que será realizada até as 0h do dia 2 de janeiro de 2023.

Durante esse período, são esperados 344.771 mil veículos, que devem passar por pelo menos uma das cinco rodovias administradas pela concessionária e que fazem a interligação entre Campinas, o Circuito das Águas e o Sul de Minas.

Somente pela praça de pedágio de Jaguariúna (SP-340) – a mais movimentada da região – devem passar pela pista norte (sentido Campinas/sul de Minas Gerais), na saída para o réveillon, 44.013 veículos. Já pela pista Sul (sentido Interior/Capital) são estimados 33.404 veículos.

Os motoristas que pegarão a estrada das 16h às 20h de sexta-feira, 30, e das 9h às 14h de sábado, 31, deverão estar atentos, pois estes serão os horários de fluxo mais intenso. Na volta, no primeiro dia do ano, a concessionária prevê que o fluxo maior deverá acontecer das 15h às 20h.

Na rodovia Rio-Santos (BR-101), entre Ubatuba (SP) e a cidade do Rio de Janeiro, as obras com sistema PARE E SIGA, que acontecem diariamente em toda a sua extensão, principalmente para recuperação de pavimento, serão suspensas entre sexta-feira, 30, até segunda, 2 de janeiro, período de saída e retorno do feriado.

A expectativa é de que o sentido Ubatuba-Rio fique mais sobrecarregado nos dias 29, 30 e 31. Já nos dias 1 e 2, as pessoas devem retornar do Rio para São Paulo.

+Os melhores conteúdos no seu e-mail gratuitamente. Escolha a sua Newsletter favorita do Terra. Clique aqui!

Todos os Direitos Reservados
Developed By Old SchooL